Aeroporto e aeródromo: entenda a diferença

aeroporto e aeródromo

26.06.2023 | Por: administrador

Voltar

Você sabia que, apesar de terem alguns pontos em comum, aeroporto e aeródromo possuem diferenças significativas? Confira quais são elas no decorrer deste artigo.

Aeroporto e aeródromo são alguns dos termos técnicos que compõem o universo da aviação. 

9 tipos de aviação que você precisa conhecer

O primeiro escutamos com frequência. Já o segundo é mais comum entre o público especializado.

Mas você sabia que, apesar de semelhantes, essas duas expressões possuem diferenças entre si?

E é justamente sobre elas que falaremos no decorrer deste artigo. Vamos lá entender, de uma vez por todas, o que cada uma significa?

Aeroporto e aeródromo são a mesma coisa?

Em primeiro lugar, é importante esclarecer que aeroporto e aeródromo são denominações que nomeiam estruturas de pouso e decolagem de aeronaves. 

Ou seja, os dois termos designam os locais onde os aviões transitam e circulam. 

Este ponto em comum acaba gerando confusão em algumas pessoas que acreditam, erroneamente, que aeroporto e aeródromo são a mesma coisa. 

Todavia, apesar de serem semelhantes no quesito estrutura, eles possuem diferenças significativas entre si.

E é justamente sobre elas que falaremos a seguir. Vamos lá!?

O que é aeródromo?

De antemão, vamos falar sobre o aeródromo, que é o termo menos conhecido pelos leigos.

Este termo é utilizado para designar toda e qualquer área destinada a pouso, decolagem e movimentação de aeronaves, seja terrestre ou aquática. 

Tipos de aeronaves: confira os principais

Definição esta que está prevista, inclusive, no Código Brasileiro de Aeronáutica, o CBA. 

Entretanto, para ser considerada como tal, a pista deve atender os requisitos técnicos exigidos pelas autoridades reguladoras.

Isso significa que um aeródromo só pode funcionar após se submeter aos trâmites de autorização, tanto de construção quanto de operação. 

E, inclusive, após receber a anuência da Agência Nacional de Aviação Civil, a ANAC. 

Tipos de aeródromos

aeroporto e aeródromo

De forma geral, heliponto é um tipo de aeródromo privado

Por outro lado, é preciso ressaltar que existem diferentes tipos de aeródromos. De forma geral, sua classificação varia conforme a natureza, em:

  • Civil, que é a estrutura destinada à utilização das aeronaves civis;
  • Militar, que é o aeródromo destinado ao uso das aeronaves militares.

E, ainda, subdivididos em:

  • Públicos, que são aqueles utilizados pela população de forma geral ou até mesmo heliportos vinculados à União. 
  • Privados, que somente podem ser operados por seus proprietários ou por quem tiver sua autorização. Como, por exemplo, os helipontos que ficam em edifícios e condomínios e as pistas de pouso situadas em fazendas. 

Além dos heliportos e helipontos, mencionados anteriormente, também são considerados como aeródromos:

  • Espaços que recebem hidroaviões;
  • Estruturas destinadas à aviões anfíbios;
  • Pistas voltadas para aeronaves de asa fixa.

E o que é aeroporto?

Agora que você já sabe o que é aeródromo, é hora de conhecer a definição de aeroporto. 

Será mesmo que você tem uma ideia correta sobre esta estrutura? Vamos lá descobrir?

Para começar, é importante pontuar que todo aeroporto é um aeródromo, mais especificamente um aeródromo público.

Isso porque, conforme consta no próprio Regulamento Brasileiro da Aviação Civil (RBAC), um aeroporto também é uma área destinada ao pouso, decolagem e movimentação de aeronaves.

Quais são as classes de avião?

Todavia, a diferença é que, além de pista, o aeroporto conta com infraestrutura, pessoal e facilidades que garantem apoio tanto às aeronaves, quanto para o embarque e desembarque de pessoas e cargas.

Como, por exemplo:

  • Ponto de embarque;
  • Terminal de passageiros;
  • Climatização;
  • Esteiras para bagagens;
  • Sistema de som;
  • Escadas rolantes;
  • Elevadores;
  • Atendentes;
  • Serviço médico de emergência;
  • Entre vários outros.

Regulamentação de aeroporto e aeródromos

Mas e no quesito regulamentação, será que também existe alguma diferença entre aeroporto e aeródromo?

Em suma, podemos dizer que não, que a regra é a mesma, seja para aeroportos ou aeródromos.

O primeiro passo, conforme já mencionado, é que ambos devem seguir determinados procedimentos para efetuar o cadastro na ANAC.

Mas é fato que cada estrutura possui algumas especificidades. 

Como, por exemplo, o fato dos aeródromos privados efetivarem inscrição por meio de um processo de registro, enquanto os públicos acontecem por meio de homologação. 

Ou até mesmo da exigência de renovação cadastral para aeródromos particulares, que costuma acontecer a cada 10 anos.

Aeroporto, aeródromo e aviação executiva

aeroporto e aeródromo

Aeroporto, aeródromo e aviação executiva são termos que estão diretamente interligados

Agora que já esclarecemos o que é aeroporto e aeródromo, vale a pena também fazer uma associação desses dois conceitos ao universo da aviação executiva. 

Aviação executiva: o que é e como funciona? Entenda!

Para quem não sabe, o Brasil conta com um Aeroporto Civil Público de aviação executiva.

Trata-se do São Paulo Catarina (JHSF), uma estrutura pública construída e administrada por uma empresa privada. 

Esse feito só foi possível em 2012, após a ANAC realizar uma delegação de exploração comercial – a primeira, diga-se de passagem.

E, desta forma, garantir a abertura do tráfego aéreo público de um aeroporto a uma empresa privada. 

Tudo isso com o objetivo de contribuir com a evolução da aviação executiva no país.

Afinal, qual é a diferença entre aeroporto e aeródromo?

Enfim, para não restar dúvidas sobre a diferença entre aeroporto e aeródromo, vamos lá fazer um compilado das informações citadas neste artigo?

Em primeiro lugar, é importante destacar que todo aeroporto é um aeródromo. Todavia, nem todo aeródromo é um aeroporto.

Assim como todo heliporto é necessariamente um heliponto, mas nem todo heliponto é um heliporto.

E por que isso acontece?

Inicialmente porque o aeródromo consiste na área em terra, ou mesmo na água, que é destinada para pouso, decolagem e movimentação de aeronaves.

Quando esta área é destinada exclusivamente a helicópteros, recebe a denominação de heliponto.

Contudo, aeroporto e aeródromo funcionam em formatos e naturezas diferentes, assim como heliponto e heliporto.

Os aeródromos geralmente são caracterizados como propriedade privada e contam com infraestrutura mais enxuta, focada nas operações das aeronaves.

Já os aeroportos são espaços públicos que possuem edificações, instalações e equipamentos que dão apoio não apenas às operações aéreas, mas inclusive  ao processamento de pessoas e cargas.

Inclusive, aqui vale um adendo: estruturas deste tipo, destinadas exclusivamente a helicópteros, é que recebem o nome de heliportos.

Posts Relacionados

Piloto agrícola: o que é preciso saber para iniciar a carreira
  • Data: 09.07.2024
  • Por: Por: administrador

Piloto agrícola: o que é preciso saber para a carreira

Tornar-se um piloto agrícola é uma excelente opção para quem deseja combinar a paixão pela aviação com o setor agrícola. Este artigo explora o panorama da aviação agrícola no Brasil, as funções dos pilotos agrícolas, as qualificações necessárias, salários, regiões promissoras e os tipos de aeronaves utilizadas.

Saiba Mais